Palavra do Presidente do Conselho Deliberativo – Ivan Antipov

1 de outubro de 2020

eleição cd 20205

Em 28 de setembro último tive a honra de ser eleito e empossado Presidente do Conselho Deliberativo para o triênio 2020/2023.

Nesta primeira Palavra do Presidente peço licença para me apresentar aos novos Conselheiros. Formação em Economia, Especialização em Marketing, Conselheiro Vitalício, associado desde os anos 70.

Também, saúdo nosso Vice Presidente eleito, Conselheiro Emérito Claudio Lipai, associado desde os anos 60, que por sua capacidade, estudos, entre outros, tornou-se especialista do Estatuto Associativo e o Secretário do Conselho, nosso ilustre colega Odacyr Marinelli, Conselheiro Emérito e Associado desde os anos 60. Ao longo do tempo se especializou no trâmite documental, exigências estatutárias e legais, relacionadas ao Conselho Deliberativo.

Uma menção honrosa aos membros da Comissão de Sindicância, Dr. Maldi Maurutto, Dr. Adilson Sanchez, Sr. Walter Marques, na condução e direção do processo eleitoral, de forma ilibada, com expertise jurídica, coerência e total transparência.

Ao Presidente do Conselho Fiscal, Dr. Daniel Tury, não faltarão esforços e colaboração para que exerça suas funções na plenitude se apoiando nas melhores práticas de Governança através dos Princípios da Transparência, Equidade e Prestação de Contas.

Ao Presidente da Diretoria Executiva, Sr. Antônio Ruiz Gonsalez, o comprometimento de que o Conselho atuará de forma, sempre colaborativa, consultiva, responsável e independente, com um único objetivo, o desenvolvimento do Clube Atlético Juventus.

Agradecer aos Conselheiros (as) que depositaram a sua confiança neste Corpo Diretivo, e, aqueles que, democraticamente, tiveram um outro pensamento. Com certeza, e não poderá ser de outra forma, a partir de agora, seremos um só grupo que trabalhará para uma única finalidade.

Aos nossos Associados, razão principal da existência do Clube, o Conselho Deliberativo estará de portas abertas, e, funcionará como elemento de conexão entre a Missão do Clube e sua Gestão para que os anseios e expectativas de todos sejam atendidos.

Em tempo! O sucesso do passado, e, talvez, o do presente, podem provocar o fracasso do futuro, caso não mudarmos a nossa mentalidade e nosso comportamento. Aqueles fatores de sucesso do passado, não são, provavelmente, os mesmos fatores de sucesso para o futuro. Criamos uma acomodação que inibiu as iniciativas na busca de alternativas necessárias para a construção do nosso futuro.

Caberá a nós, Conselheiros (as), juntamente com a Diretoria Executiva, apoiados no Estatuto Associativo, propor um Plano Diretor de Desenvolvimento, que denominaremos, Juventus 100 anos, cientes que teremos obstáculos e dificuldades a serem vencidas e para isso usaremos nossa sabedoria, perseverança e habilidade.

Por fim, quero aqui descrever uma passagem da riquíssima história do Juventus, retratada no livro, Glorias de um Moleque Travesso, pelo nosso ilustríssimo Conselheiro Ângelo Agarelli. Servirá de exemplo para atingirmos nossos objetivos, mesmo com as dificuldades que poderemos encontrar.

“Até o final da década de 50, o Juventus existia apenas para o futebol, sobrevivendo graças a contribuição mensal de menos de 500 associados, da receita decorrente da venda do passe de jogadores formados na base e da ajuda financeira de comerciantes e de famílias do Bairro.

Vislumbrando que o futuro e a continuidade do Clube era absolutamente incerto, um grupo de Conselheiros, sob a liderança de Roberto Ugolini, observando que na região não havia quase nenhuma oferta  de espaços de lazer para os moradores, com muita coragem e desprendimento resolveram adquirir uma grande área na região do Parque da Mooca, até então desprovida de qualquer infraestrutura, para ali construírem um amplo Clube Social, com recursos provenientes da venda de títulos patrimoniais, novidade até então.

Em decorrência de uma bem estruturada estratégia e campanha de marketing, em poucos dias milhares de títulos foram vendidos, o que permitiu o imediato início das obras que, em poucos anos, transformou aquele local num moderno e grandioso Clube Sócio Esportivo que, rapidamente, passou a ser o Clube com o maior número de associados em toda a América Latina”.

foto alterada conselho

“De um time de Futebol para um grande Clube” – Homenagem aos ilustres Juventinos. Ano 1958.

Sentados: Sergio Agarelli, José Ferreira Pinto, Roberto Ugolini, Américo Egídio Pereira, Mário Previato e Mario Coronato. Em pé: Valdemar Molinari, Ricardo Bulara, João Heitor de Moura, Antônio Sabetta, José Fuscella, Donato Tetelli, Armando Donini.

Revendo essa rica história, concluímos que, o sucesso alcançado só foi possível graças a iniciativa, arrojo e competência daqueles visionários apaixonados Juventinos que compuseram a Diretoria do Clube, retratados na imagem da foto.

Por fim, que sirva de exemplo e inspiração para que, nós, atuais Conselheiros (as), também façamos parte de uma geração que colaborará para a continuidade e o desenvolvimento do Clube Atlético Juventus através do Plano Diretor de Desenvolvimento – Juventus 100 anos!!!

 

Tags: ,

Arquivado em: Conselho Deliberativo