Maurício Carvalho, o jovem líder do Juventus

21 de março de 2014

mauricio-carvalho

Maurício de Carvalho Santos, ou apenas Maurício Carvalho. Zagueiro. 22 anos. Apesar da pouca idade, um atleta considerado experiente. Passagens por categorias de base da Seleção Brasileira justificam isso.

O defensor é atualmente um dos líderes do Juventus em campo. Jogador com identificação com a camisa grená. Ele sente que o momento é ruim, mas avisa que isso vai mudar.

Acompanhe o bate-papo com o atleta:

Maurício, a gente sabe que você já criou uma identificação com o Juventus. Você deve ser um dos jogadores que mais está sentindo esse momento ruim, não é?

Com certeza. Estamos em um momento complicado, difícil. Nosso time é qualificado, por isso esperávamos estar brigando na parte de cima da tabela. O caminho é trabalhar e trabalhar para tirar o Juventus dessa situação.

No ano passado você era o capitão do time. Hoje é o Elvis. Isso muda algo para você?

Não muda nada. Nós dois conversamos bastante. Tornamos-nos amigos. A liderança tem que ser dividida. Cada um sabe o que falar no momento certo para ajudar o Juventus.

A experiência de alguns atletas pode pesar para tirar o Juventus dessa situação?

A gente conversa toda hora. Eu nunca passei por uma situação tão complicada como a de agora. Temos que passar tranquilidade para os mais novos. O grupo está identificado com o treinador e tenho certeza que vamos virar.

Em 2013, o Juventus surpreendeu muita gente ao chegar nas quartas de final da Copa Paulista. Muita gente saiu. O que lhe motivou a permanecer?

Todos me acolheram muito bem aqui desde o meu primeiro dia. Eu recebi propostas de clubes da Série A1 e A2, mas não achei o momento. Eu quero fazer história no Juventus, honrar essa camisa e colocar no lugar que nunca deveria ter saído. Esse clube é espetacular.

Está cada vez mais difícil ouvir um discurso como esse hoje em dia…

Eu joguei muitos anos na base do São Paulo e não conhecia o futebol de outras divisões. Temos que matar um leão por dia, e eu me identifiquei com esse estilo. Sem falar que o Juventus é um clube que honra com os compromissos em dia, o que faz o atleta se sentir valorizado.

Por Felipe Pugliese

Arquivado em: Futebol Profissional